Família Silveira

Confira abaixo algumas informações e curiosidades sobre as origens da família Silveira.

O sobrenome Silveira, assim como tantos outros, não surgiu no Brasil, por uma simples razão de que o Brasil foi colonizado e habitado primeiramente por estrangeiros. Dessa forma, os sobrenomes vêm de outros países e acabam ganhando popularidade uma vez que os imigrantes fizeram do Brasil sua nova morada.

Origem da família Silveira

Este sobrenome surgiu em Portugual e é classificado como toponímico, ou seja, de origem geográfica. Ele deriva Herdade da Silveira (vila de Redondo).

Sua origem é do latim Silvaria, uma muita de silvas. Silva é no nome de uma planta existente na Europa.

Os Silveira procedem de Giraldo Sem Pavor, que ganhou Évora aos mouros em tempo de el-rei D. Afonso Henriques. É solar desta familia o Morgado da Silveira em Alentejo.

Existe um Portugual mais de uma família com o sobrenome Silveira. Por esse motivo, cada um tem o seu brasão. Uma dessas famílias se espalhou por Açores, enquanto a outra surgiu em outra localidade.

Curiosidades

Ao contrário do que muitos pensam o Silveira não tem necessariamente a mesma origem do sobrenome Silva. Ele não é uma derivação de tal.

Variantes do sobrenome Silveira

Não existem muitas variantes do sobrenome Silveira. Silva, por exemplo, não é um deles, como já foi falado. Esse nome não tem muitas variações por se tratar de um sobrenome mais tradicional. Além disso, a maioria dos sobrenomes advindos do latim costuma não ter muitas variações.

Brasão da Família Silveira          

Por se tratar de duas origens diferentes, existem dois brasões da família Silveira. Confira abaixo as descrições sobre eles e veja as semelhanças e diferenças.

A família Silveira dos Açores, descendentes de Wilhelm van der Hagen usam tem um brasão partido, o primeiro, do lado esquerdo de ouro com uma árvore de duas copas de verde, assente num contra-chefe do mesmo. Já o segundo de preto, com um leão de prata, armado, lampassado e coroado de ouro.

Já a família Silveira de Portugal continental, possui brasão prateado, com três faixas de vermelho na vertical. No timbre tem um urso de prata, armado e lampassado de vermelho, que sair de uma capela de silvas de sua cor.



Este site lhe foi útil? Clique no G+1. É muito importante pra nós. Obrigado!
Compartilhe com seus amigos...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

29 Comentários

  1. JOSÉ DAVID DA SILVEIRA says:

    Pelo que eu percebi os Silveiras vêm de um mesmo tronco ha centenas de anos, com a colonização portuguesa se espalhou pelo mundo a fora e no Brasil em todos Estados tem um ou famílias dos Silveiras. Claro, é muito difícil achar o começo de tudo…..OOKKK???/

  2. JOSÉ DAVID DA SILVEIRA says:

    Gostaria de conversar com a Maria Fernanda pelo que ela disse o nosso parentesco está próximo….meu endereço eletrônico: dekavid@hotmail.com

  3. JOSÉ DAVID DA SILVEIRA says:

    Com eu disse: Os Silveiras vieram de Portugual, Ilha da Madeira e alhures e se espalharam pelo Brasil afora. Silveiras sem a mestiçagem tem a testa grande, narigudos, dificuldades para a música, estatura mediana, são brilhantes nas letras e tem vida longa. As informações do Ariel e da Estela tem fundamento.

  4. JOSÉ DAVID DA SILVEIRA says:

    Pelo que estou informado, o ” da”…Silveira, significa nobreza, famílias nobres. Na minha família tem pessoas com o “da” e outros sem o “da”. Eu acho que os Silveiras que vieram de Portugal e da Ilha da adeiras, etc. tinham o cuidado de colocar os nomes nos seus filhos com o “da” por serem letrados; Com a colonização, a pobreza, a falta de instrução escolar, muitos perderam o hábito por displicência ou ignorância, pois que, nas famílias dos meus antecedentes existiam pessoas “letradas” e outras analfabetas e sem instrução, A origem dos Silveiras está muito longe e tem haver com a diasporá dos anos 70, quando os judeus se espalharam pelo mundo a fora. Agora, no meu caso estou informado de que os Silveiras vieram de São Paulo para a região de Ouro Preto, São del Rey., fazendo parte do esquema de Tiradentes, quando este foi preso, parte dos Silveiras perseguidos politicamente vieram para Minas Novas e depois para o Norte Minas, Grão Mogol, Rio Pardo de Minas, embrenhando-se na Serra do Espinhaço (Serra Geral).

  5. celia says:

    sou silveira por parte do meu pai

  6. Samara Natalie Silveira says:

    Gente estou maravilhada com tantas histórias!

  7. OLA. SOU SILVEIRA DA CIDADE DE TUBARAO SC. MEU TATARAVO VEIO DE PORTUGAL PARA POVOAR COM TERRAS DE SESMARIA. TODA INFORMACAO SERA BEM VINDA. JA AGRADEÇO.

  8. Ana silveira says:

    Sou uma silveira de angola.gostaria de saber muito mais sobre a nossa origem.

  9. Giovanna says:

    Gostaria de saber da minha origem, sou Silveira de MG.

  10. Gustavo Silveira says:

    Onde eu consigo o brasão da familia silveira sem essas marcas d’agua .. quero muito ele ..

  11. Gustavo Silveira says:

    Você me consegue o brasão da família silveira o do Urso do lado português ??

  12. Joelma Silveira says:

    Minha prima tem um grupo no face bock chamado Família Silveira, tem sido maravilhoso reunir tantos Silveiras.

  13. Joelma Silveira says:

    Sou descendente da família Silveira e tenho constantemente buscado informações sobre as minhas raízes, descobri que meus bisavós por parte de pai eram de origem francesa. sou bisneta de Cândido Jose Silveira e Maria Cezarina Silveira , sou neta de Abrelino Curtinaz Silveira e Dorvalina Vianna da Silveira, sou filha de Lonarde Vianna da Silveira e Gecilda da Silva Silveira. de Tapes / RS

  14. marcia regina silveira says:

    MEU AVO DIZIA QUE SE PAI VEIO DA ILHA DA MADEIRA, E REALMENTE LA TEM MUITOS ..SILVEIRA QUERIA SABER SE OS SILVEIRAS DE MG SAO PARENTES DOS DE SP

  15. victor says:

    vcs sao muito babacas

  16. e aquela historia de judeus oucristaos novos , alguem sabe explicar se tem a ver…meu avo afirmava com convicção que todo Silveira era judeu…

  17. Andréa Caroline da Silva Lima says:

    Gostei muito ! A família paterna do meu avô paterno tem o sobrenome Silveira eu gostaria eu também gostaria de saber se tem alguma alguma semelhança familiar com todos os Silveira ?

  18. Anderson Silveira says:

    GOSTARIA DE SABER SE TODOS OS SILVEIRAS TEM ALGUMA LIGAÇÃO FAMILIAR, E SE EXISTE ALGUMA POSSIBILIDADE DE BUSCARMOS NOSSAS ORIGENS.

  19. gostei de saber mais sobre os silveira

  20. Juarez says:

    Qual a ligação das famílias Silveira e daSilveira?

    • orestes silveira says:

      boa pergunta.parabens.nao sei mas gostaria de saber tambem.

      • Fabricio Valdir da Silveira says:

        Bom dia, fazendo uma pesquisa, li em um livro que o Wilhelm van der Hagen diferenciava homens e mulheres da família, colocando a preposição da para os homens em sinal de nobreza. A minha família permanece até hoje sem que muitos inclusive meu pai soubesse da história. Já meu sogro que é Silveira comentou que o avô dele em certo momento fez uma descendência somente Silveira deixando de lado o “da Silveira” por causa de briga na família.

      • Estela says:

        Os nomes acompanhados de ou da. São pessoas que ou casaram com outros do nome original sem o de ou o da, e também nos caso de ( de ) significa De posse. No caso de pessoas sem sobrenomes e escravos ou empregados De fulano. São estas as 02 respostas. Há muitos nomes e sobrenomes agregados para despistar pessoas que não tinham documentos e não queriam serem perseguidos por serem Cristãos novos, Judeus e ou para nãos serem deportados e ou até mesmo para não serem recrutados para guerra, mudavam, nomes, datas, locais e até anos de nascimentos. Espero ter ajudado.

  21. Mariana Da Silva Silveira says:

    que legaal

  22. Antonio Gomes Sandy says:

    Minha Vó Mariana Hipólito da Silveira portuguesa da Ilha da Madeira é o que dizia o meu pai, mas com o falecimento de ambos lá se foi preciosas informações para que os meus filhos e netos descubra os seus ancestrais para formar a suas árvores genealógicas.
    Vó Mariana tinha também um gráu de parentesco com a família Fagundes, se alguém puder ajudar-me a esclarecer ficarei muitíssimo grato!!

Deixe um comentário